10 Abril 2021 18:42:00
Autor: Por: Redação TN

$artigoImagemTitulo

A Prefeitura de Pomerode confirmou nesse sábado, dia 10, mais duas mortes por conta do novo coronavírus. As vítimas foram um homem de 34 anos, com comorbidades; e uma mulher de 62 anos, também com comorbidades. Ambos estavam internados Gaspar.

Ainda nesse sábado a cidade confirma três novos casos ativos e recuperou outros nove casos. Ao todo, são 62 casos positivos ativos. Confira as informações dos pacientes que se encontram em isolamento domiciliar:

- Mulher - 02 (40 a 49 anos) - 01 (80 a 89 anos)

Há sete pacientes internados confirmados, sendo:

03 em Blumenau (UTI: 02, Enfermaria: 01)

01 em Pomerode (Enfermaria)

01 em Joinville (UTI)

01 em Gaspar (UTI)

01 em Brusque (UTI)


Pandemia
10 Abril 2021 11:39:00

$artigoImagemTitulo
A Matriz de Risco Potencial divulgada neste sábado, 10, pelo Governo de Santa Catarina e Secretaria de Estado da Saúde (SES) classifica 12 das 16 regiões em alerta gravíssimo (cor vermelha) e quatro em risco grave (cor laranja) para transmissão do novo coronavírus.
No último boletim, divulgado em 03 de abril, apenas a região de Xanxerê encontrava-se no nível grave, as demais estavam em estado gravíssimo. No levantamento desta semana, o local volta ao patamar mais alto, enquanto as regiões Carbonífera, Extremo Sul Catarinense, Foz do Rio Itajaí e Grande Florianópolis foram reclassificadas para o nível grave.
Mesmo com a redução do risco em quatro regiões, os dados da dimensão de Capacidade de Atenção, que aponta a ocupação de leitos hospitalares, ainda se encontram no nível mais alto em todos os locais. O índice que passou por maior redução foi o de transmissibilidade, recebendo no máximo nota 3 em todas as regiões.
Segundo a cientista de dados Bianca Vieira, existe uma tendência de leve melhora de indicadores verificada pela segunda semana consecutiva, principalmente em relação aos eventos sentinela e transmissibilidade. "Xanxerê apresentou uma leve piora na questão de monitoramento. A ocupação hospitalar ainda é elevada apesar da leve melhora em alguns outros quesitos", apontou.

09 Abril 2021 16:57:00

Vítima é um homem de 83 anos

$artigoImagemTitulo

A Prefeitura de Pomerode confirmou nessa sexta-feira, dia 09, o 49º óbito registrado na cidade por conta da Covid-19. A vítima é um homem de 83 anos, com comorbidades, que estava internado em Pomerode.

Além disso, Pomerode confirmou 16 novos casos da doença e recuperou outros sete. Ao todo a cidade soma 70 casos positivos ativos. Confira as informações dos pacientes que se encontram em isolamento domiciliar:

- Homem - 03 (30 a 39 anos) - 01 (40 a 49 anos) - 01 (70 a 79 anos)

- Mulher - 01 (20 a 29 anos) - 01 (30 a 39 anos) - 02 (40 a 49 anos) - 03 (50 a 59 anos) - 01 (60 a 69 anos)

- Crianças/Adolescentes - 02 (0 a 09 anos) - 01 (10 a 19 anos)

Há 09 pacientes internados confirmados e 01 suspeito, sendo:

03 em Blumenau (UTI: 02, Enfermaria: 01)

02 em Pomerode (01 confirmado e 01 suspeito)

01 em Joinville (UTI)

03 em Gaspar (UTI)

01 em Brusque (UTI)



Planejamento
09 Abril 2021 09:30:00
Autor: Por: Redação TN

Entenda o caminho a ser percorrido por Pomerode nos próximos quatro anos

$artigoImagemTitulo

Como poucas vezes na história, um evento global está influenciando a vida e as necessidades da população em todas as partes, desde as menores até as maiores cidades do Planeta Terra. Por isso, não é surpresa que a maior demanda apontada pelos pomerodenses com relação aos próximos quatro anos esteja relacionada à saúde.

A constatação veio por meio de uma pesquisa feita pela equipe do Testo Notícias através da plataforma "Google Forms" a qual circulou nas redes sociais e grupos de WhatsApp do jornal entre os dias 23 e 25 de março de 2021. A primeira pergunta feita foi: "No que você acha que Pomerode mais precisa investir nos próximos quatro anos?". As opções eram: Pavimentação; Mais áreas de lazer; Mobilidade Urbana; Saúde; Educação; Saneamento Básico; e Segurança.

O resultado apontou que a área da Saúde foi a mais citada entre os entrevistados com 28,7%. Em segundo lugar, veio o Saneamento Básico (18,3%) e, em terceiro, a Mobilidade Urbana (16,5%). Confira no gráfico abaixo:

O segundo questionamento foi: "Na área selecionada na pergunta anterior, o que você acredita que deva ser implantado ou transformado?". Com isso, a população teve espaço para apontar a reinvindicação específica dentro do setor. Após a pesquisa, o prefeito de Pomerode, Ércio Kriek (DEM), explicou qual é o planejamento para cada uma das áreas citadas.

Saúde

Um dos pedidos mais recorrentes nessa área foi a implantação de leitos de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) em Pomerode, o que reflete a situação atual enfrentada no estado de Santa Catarina que chegou a lotação máxima das UTIs no início de 2021. Ao questionamento, o chefe do Executivo pomerodense contextualizou a estratégia regional discutida e implantada por meio de associações e consórcios como a Associação dos Municípios do Médio Vale do Itajaí (Ammvi) e o Consórcio Intermunicipal de Saúde do Médio Vale do Itajaí (Cisamvi).

Segundo Ércio, a decisão foi a de elencar quais hospitais de referência receberiam os leitos para tratamento dos pacientes com Covid-19. No Médio Vale, os mais próximos são de Indaial, que implantou novos leitos (15), e Timbó, que se tornou única unidade exclusiva do estado para atendimento Covid e, com isso, mais que triplicou a oferta de leitos de tratamento intensivo (de 10 para 37). "Esse planejamento permitiu que nossa região fosse uma das mais preparadas nesse quesito", pondera.

Além disso, uma medida que já vinha sendo debatida é para que os hospitais conversem entre si com o objetivo de que o atendimento seja potencializado, ou seja, que cada unidade de saúde tenha áreas de especialidade que se complementem para oferecer melhor tratamento aos pacientes.

O prefeito também destacou outros motivos pelos quais não seria viável a ativação da UTI na cidade. Dentre elas, está o custo elevado e o fato de que essa conta não recai sobre o município, mas sim sobre o estado. Outra observação é de que, após o fim da pandemia, os leitos possivelmente estariam subocupados, tendo em vista as já estruturadas unidades nos demais municípios. Existe também a questão relacionada à falta de profissionais especializados para atuar nesses setores. Portanto, mesmo com leitos, não seria possível ativá-los pela escassez de equipe.




Ainda na área da saúde, outra observação feita pelos cidadãos é sobre a demora no atendimento. Em relação a esse questionamento, Ércio esclarece que a opção encontrada, após o início da pandemia, foi priorizar a livre demanda ao invés do agendamento. No entanto, faz parte do desejo do prefeito que voltem a ser marcadas consultas para que as pessoas não precisem esperar nos postos de saúde por muito tempo.

Vencido o combate ao coronavírus, o chefe do executivo pretende resgatar a ideia inicial das unidades de Estratégia de Saúde da Família (ESFs), que é a de trabalhar com a prevenção e não a correção, diminuindo o número de pessoas que precisam de atendimento de pronto-socorro. Quando as unidades retornarem aos trabalhos dessa forma, quem não tiver horário marcado, mas precisa passar por um médico, terá à disposição a parceria já firmada e atuante entre a Prefeitura de Pomerode e o Hospital e Maternidade Rio do Testo (HMRT).

Também faz parte dos planos contratar mais um médico para se juntar aos dois que prestam atendimento em horário integral no HMRT. Este terceiro profissional atenderia das 17h às 22h, no entanto, a contratação não está certa, pois, segundo Ércio, "é difícil conseguir interessados somente para essa carga horária".

Mesmo que as respostas da pesquisa tenham selecionado majoritariamente a saúde, o resultado é justificado pelo momento vivenciado em escala global. Contudo, Pomerode vinha se destacando como referência nessa área, inclusive, direcionando uma porcentagem maior do orçamento anual do que o mínimo obrigatório (15%).

Saneamento Básico

Após a saúde, a segunda problemática apontada pelos pomerodenses diz respeito à necessidade do avanço do Saneamento Básico (18,3%). O plano municipal que trata do assunto prevê que em até 10 anos, a contar de 2020, a questão esteja encaminhada.

Conforme o novo marco legal, aprovado pela lei 14.026/20, a meta é garantir água potável e tratamento de esgoto a mais de 90% da população até 2033. Um dos objetivos dessa lei é ampliar a presença do setor privado na área de saneamento, que hoje é controlado por autarquias e empresas do setor público.

Essa é a direção que deve ser seguida por Pomerode. Conforme explica o prefeito da cidade, tudo se encaminha para que haja uma concessão ao setor privado. Antes disso, porém, a ideia deve ser debatida com a população.

Em fevereiro de 2020, o Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae) de Pomerode realizou duas reuniões, no Teatro Municipal e Auditório da Prefeitura, com o objetivo de discutir a revisão do Plano Municipal de Saneamento Básico. A implantação do sistema de tratamento de esgoto foi um dos principais itens apresentados na oportunidade.

Agora, o próximo passo é fazer uma Consulta Pública para debater novamente o tema, mas a data ainda não foi definida. Conforme o presidente do Samae de Pomerode, Ricardo Campestrini, a Consulta Pública é "justamente para as pessoas terem conhecimento de números e fatos, e acima de tudo poderem dar sugestões ou fazerem perguntas para tirarem suas dúvidas referentes a esse processo".


Matheus kurth /Abastecimento: recentemente, um dos investimentos mais significativos na área foi destinado à ampliação da Eta II.

Estima-se que o valor necessário para realizar a implantação da rede de esgotamento e tratamento seja de R$ 100 milhões.

Em relação ao abastecimento de água, a região de Testo Central vem sofrendo com constantes problemas nesse quesito. Para sanar essa questão, será necessário um grande aporte financeiro, de acordo com Ricardo. Uma das medidas inclui a implantação de uma nova rede que parte da Rua dos Atiradores. Um estudo foi realizado em 2020, prevendo R$ 10 milhões em custos, porém o valor já não corresponde à realidade, devido aos aumentos dos insumos e mão de obra. "Hoje eu estimo um aumento de 30%, representando um total previsto de R$ 13 milhões", contextualiza.

Também em Testo Central, existe a intenção de construir um novo reservatório com o objetivo de liquidar a questão do abastecimento neste bairro. O levantamento de custos indica que, para um reservatório de um milhão de litros d'água, são necessários investimentos na casa de R$ 1,5 milhão, sem considerar a compra do terreno, desapropriação e toda a infraestrutura necessária, totalizando, em média, a aplicação de R$ 15 milhões.

Mobilidade Urbana e Pavimentação

Essas duas áreas foram a terceira e a quarta mais assinaladas com 16,5% e 14,8%, respectivamente. Apesar de terem sido apresentadas separadas, elas estão interligadas. De acordo com o prefeito de Pomerode, com o aumento do número de veículos nas ruas e a disputa de espaço com ciclistas e pedestres, foi necessário iniciar a construção do Plano de Mobilidade para definir quais os caminhos a serem percorridos daqui por diante. "Estamos terminando o levantamento das rotas acessíveis. Nossa intenção é discutir o tema de uma maneira regional, incluindo questões como o transporte coletivo municipal e intermunicipal, por exemplo", esclarece.

Ele destaca que algumas melhorias já foram postas em prática, como o contorno Oeste, que teve início com a abertura da via que liga Pomerode Fundos ao Ribeirão Areia. O objetivo é que tenha continuação na região de Testo Alto e Testo Rega para, com isso, desviar o fluxo intenso do centro da cidade. Também está projetada a ligação ao Wunderwald, no contorno Leste, que terá a mesma funcionalidade.

Outra questão levantada pelos entrevistados é a melhoria e ampliação de ciclovias e ciclofaixas. Em relação a isso, Ércio destaca a possibilidade de firmar um convênio com a cidade alemã Greifswald, coirmã e parceira de Pomerode, em que o município receberia um recurso de 160 a 180 mil euros para reestruturar as ciclovias do eixo central. Além disso, a intenção do chefe do Executivo é implantar o espaço destinado aos ciclistas em todas as ruas pavimentadas, principalmente em vias de ligação.


Matheus Kurth /Contorno Oeste: pontapé inicial foi a abertura da via que liga Pomerode Fundos ao Ribeirão Areia.

Incluso também em mobilidade urbana, algumas respostas evidenciaram a falta de áreas para estacionar no centro da cidade. O prefeito pontua que, com a quantidade de veículos circulando e muitos estabelecimentos localizados nessa região, a solução se encaminha para a implantação de estacionamento rotativo.

A pavimentação também foi pontuada pelos entrevistados, pois Pomerode ainda é uma cidade com muitas estradas de chão e, por isso, o mandato de 2016 a 2020 foi marcado por obras dessa natureza. "Nós continuaremos, talvez não no mesmo ritmo que estávamos. Há obras acontecendo nesse momento e algumas agendadas", explica. Outra modalidade incentivada por ele é o sistema de mutirão, em que há uma parceria entre os moradores e a Prefeitura. "Pedimos para que os habitantes das ruas que tiverem interesse, entrem em contato com o setor responsável para que possamos organizar uma reunião e verificar a possibilidade."

Áreas de lazer

Mesmo que essa questão tenha sido a quinta mais citada (12,2%), o chefe do executivo pomerodense acredita que seja justamente uma das grandes deficiências do município. Por isso, diversos projetos estão em andamento para oferecer à população mais contato com a natureza e dispor de ambientes para a prática de esportes e lazer.

Dentre as iniciativas, a mais avançada é a do Parque Ambiental da Lagoa do Weege. O projeto foi desenvolvido em parceria com o Núcleo de Estudos Urbanos e Regionais (Neur), braço técnico da Universidade Regional de Blumenau (Furb). A ideia é incluir múltiplas alternativas de lazer e, simultaneamente, oferecer um local para visitação e contemplação das belezas naturais. Também terá um espaço voltado para a educação ambiental, resgate das memórias do município, da cultura e das tradições alemãs.

Existe ainda a intenção de que a região de Testo Rega tenha sua própria área de lazer, construída em um terreno na Rua Otto Behling, que pertence à Prefeitura.


Imagem: prefeitura municipal de pomerode/secretaria de planejamento e meio ambiente/núcleo de estudos urbanos e regionais - neur/universidade regional de blumenau - furb/Área de Lazer: projeto do Parque Ambiental da Lagoa do Weege.

Na sequência de projetos, talvez o maior de todos seja o do Parque Central que estará ligado ao Parque Linear do Rio do Testo. Detalhes ainda não foram divulgados, mas Ércio adianta que a iniciativa é ousada e se inspira em áreas de lazer encontradas na Europa. Neste local, haverá quadras de futebol, vôlei de areia e basquete, pista de skate, entre outras funcionalidades. Por fim, no Morro da Turquia, uma área já está desapropriada para também receber um parque.

A implantação dessas áreas caminha para concretizar parcerias público-privadas que possibilitem a injeção dos recursos necessários para tal.

Educação e Segurança

Essas duas áreas foram as menos apontadas com 7,8% e 1,7%, respectivamente. Para o prefeito, o resultado é espelho da referência que Pomerode se tornou em ambos os campos. Em relação ao primeiro quesito, Ércio relembra os investimentos feitos nas estruturas das escolas em seu mandato anterior (2016-2020), quando todas as unidades receberam recursos para adequações necessárias.

Para ele, o grande problema atual se concentra na educação infantil, relacionado à falta de vagas. Com a conclusão dos dois Centros de Educação Infantil (CEIs), em Testo Central e Ribeirão Areia, a tendência é conseguir suprir essa demanda. No campo das melhorias, há o desejo da implantação de novas tecnologias nas escolas, em que, possivelmente, as provas serão feitas através de computadores.

Em relação à Segurança, o prefeito destaca o projeto de Cercamento Digital. Atualmente, há mais de 200 câmeras instaladas na cidade e esse número deve aumentar, possibilitando que a Central de Monitoramento torne-se cada dia mais ativa para proteger o patrimônio e os cidadãos pomerodenses. Além das câmeras de monitoramento, há também as de leitura automática de placa (LAP ou OCR, da sigla em inglês).

Para finalizar, Ércio destacou novamente que o grande desafio a ser enfrentado no momento é a pandemia, algo que influencia todas as demais áreas. Porém, continuam em curso os planos e projetos que têm por objetivo planejar a Pomerode do futuro, fazendo com que a cidade esteja pronta para crescer e evoluir diante de qualquer desafio.


Pandemia
08 Abril 2021 14:03:00

$artigoImagemTitulo

Chegou ao aeroporto da capital catarinense nesta quinta-feira, 8, por volta das 8h30, uma nova remessa com 144,7 mil doses da vacina contra a Covid-19. O novo lote foi recebido pela secretária de Estado da Saúde, Carmen Zanotto. São 75,5 mil doses da vacina Astrazeneca/Fiocruz e 69,2 mil da Sinovac/Butantan. Os imunizantes serão utilizados para a aplicação da Dose 1 e 2 e a distribuição para as centrais regionais será feita ainda nesta quinta, 8, a partir das 13h.

"Nosso compromisso é o envio imediato das doses para que os municípios agilizem a aplicação das vacinas e, como complementação, realizamos uma busca ativa via Secretaria da Saúde para garantirmos o alcance dos grupos de risco. Estamos em convergência com as ações do Ministério da Saúde e vamos dar a maior celeridade possível, e por todos os meios, para a vacinação de toda a nossa população", reforçou a governadora Daniela Reinehr.

Do aeroporto, as doses foram encaminhadas para a Central Estadual de Rede de Frio da Diretoria de Vigilância Epidemiológica (DIVE), em São José. No local está sendo feita a conferência e organização da logística para distribuição para as 17 unidades descentralizadas de Vigilância Epidemiológica (UDVEs) das Regionais de Saúde de Santa Catarina, responsáveis por repassar as doses aos 295 municípios catarinenses.

"As vacinas já começaram a ser entregues às regionais para seguirmos os cronogramas de vacinação em cada município", afirmou a secretária de Estado da Saúde, Carmen Zanotto. "É muito importante realizar a busca ativa para que todas as pessoas de 65 anos ou mais que ainda não foram vacinadas sejam imunizadas. Aquelas que já tomaram a primeira dose também precisam da aplicação da segunda dose. A D2 é tão importante quando a primeira para garantir a imunização", acrescentou.

 As centrais regionais da Grande Florianópolis, Joinville, Jaraguá do Sul, Mafra, Tubarão, Criciúma, Araranguá, Blumenau, Itajaí retiram as doses já nesta quinta, a partir das 13h. Para Lages, Rio do Sul, Videira, Joaçaba e Concórdia, as doses também seguem via terrestre no início da tarde. Já o avião do Corpo de Bombeiros Militar irá transportar as remessas para as centrais de Chapecó, São Miguel do Oeste e Xanxerê.

"Mais uma vez, o estado de Santa Catarina cumpre com o compromisso de levar as doses da vacina contra a Covid-19 a todos os municípios catarinenses no menor tempo possível. A distribuição para todas as centrais regionais será iniciada em menos de 24 horas após o recebimento das doses", ressalta João Augusto Brancher Fuck, diretor da DIVE/SC.

Com mais essa remessa, Santa Catarina soma um total de 1.472.740 doses recebidas.

Estado distribui doses aos municípios

A Secretaria de Estado da Saúde de Santa Catarina irá distribuir 93.750 doses da vacina Astrazeneca/Fiocruz (75.500 recebidas no dia 08/04 e 18.250 no dia 01/04), sendo 76.725 doses da vacina para aplicação da Dose 1 em idosos de 65 a 69 anos e nos profissionais das forças de segurança e salvamento. Assim, ficam reservadas nas gerências regionais 17.025 doses para aplicação da Dose 2 nos trabalhadores da saúde que deverão recebê-las a partir de 19 de abril.

Em relação à Sinovac/Butantan, serão distribuídas 141 mil doses (sendo 69.200 doses recebidas no dia 08/04 e 71.800 em 01/04) para a aplicação da Dose 2 nos idosos e trabalhadores de saúde que deverão recebê-las a partir do dia 12 de abril. Ficarão reservadas 12.660 doses para aplicação da Dose 2 nas pessoas que deverão recebê-las a partir de 16 de abril.

A tabela com o quantitativo de doses que será distribuído para cada município será divulgada na tarde desta quinta, 8.

Vacinação dos profissionais das forças de segurança, salvamento e forças armadas

O planejamento da vacinação dos profissionais das forças de segurança, salvamento e forças armadas foi elaborado pela Secretaria de Estado da Saúde de SC, em conjunto com os comandos estaduais das forças de segurança. Essa ação deverá atender parte dos profissionais destas áreas que atuam diretamente nas ações de enfrentamento à pandemia, realizando as seguintes atividades:

- trabalhadores envolvidos no atendimento e/ou transporte de pacientes;
- trabalhadores envolvidos em resgates e atendimento pré-hospitalar;
- trabalhadores envolvidos diretamente nas ações de vacinação contra a covid-19;
- trabalhadores envolvidos nas ações de vigilância das medidas de distanciamento social, com contato direto e constante com o público, independente da categoria.

Além dos policiais militares, policiais civis e bombeiros militares, deverão ser vacinados nesta etapa os guardas municipais, policiais federais e membros das forças armadas que atuam no apoio ao estado e aos municípios na linha de frente ações de enfrentamento à Covid-19. Posteriormente, os demais profissionais de segurança, salvamento e forças armadas serão incluídos na vacinação.


Pandemia
08 Abril 2021 11:20:00

Parlamentar destaca o trabalho dos profissionais de saúde

$artigoImagemTitulo

A passagem do Dia Mundial da Saúde foi destacada pelo deputado estadual Dr. Vicente Caropreso (PSDB) no plenário da Assembleia Legislativa nesta quarta-feira (7). O deputado, que é médico neurologista, se solidarizou com os profissionais de saúde que atuam na linha de frente no enfrentamento da pandemia e criticou a falta de unidade nacional para enfrentar a situação.

"Um abraço a todos os profissionais de saúde, não só os médicos, enfermeiros, mas também aos motoristas de ambulância e demais trabalhadores que estão na linha de frente contra a pandemia, essa gente que está lá na ponta colocando sua vida em risco para salvar vidas. Gente que sente diretamente os efeitos dos erros cometidos no enfrentamento à Covid-19. Acompanhamos todas as dificuldades. Nosso carinho, respeito e admiração. Falo isso em nome da Comissão de Saúde e da Assembleia Legislativa de Santa Catarina", afirmou em tom de desabafo.

Criada em 1950, a data marca o dia da fundação da Organização Mundial da Saúde (OMS), que ocorreu em 1948. O tema deste ano da campanha da organização é "Construindo um mundo mais justo e saudável".

"Pelo segundo ano consecutivo, estamos celebrando o Dia Mundial da Saúde em meio à pandemia, essa guerra que já matou mais de 330 mil brasileiros", afirmou o parlamentar. Ele destacou que a pandemia aprofundou as desigualdades sociais no país, "dificultando ainda mais que milhares de cidadãos e suas famílias tenham acesso a uma vida saudável".

O deputado criticou a falta de uma direção que unificasse o país nas ações contra a pandemia e a proliferação de falsas informações que são propagadas por lideranças políticas em redes sociais. "Temos livros, temos escolas, universidades e tem o WhatsApp que prolifera fake news contra a ciência. Em vez de estarmos comemorando índices melhores, estamos lamentando o agravamento da pandemia, patinando em razão de nós não termos liderança e um discurso unificado que pudesse reforçar todo o esforço que os profissionais de saúde estão realizando."



Pandemia
07 Abril 2021 15:57:00

A cidade possui 13 pacientes internados

$artigoImagemTitulo

Pomerode confirmou na quarta-feira, dia 7, 12 novos casos de Covid-19 e recuperou outros nove. Ao todo, a cidade tem 61 casos positivos ativos. Confira as informações dos pacientes que se encontram em isolamento domiciliar:

- Homem - 01 (30 a 39 anos) - 03 (50 a 59 anos) - 01 (80 a 89 anos)

- Mulher - 01 (20 a 29 anos) - 01 (30 a 39 anos) - 01 (50 a 59 anos) - 01 (60 a 69 anos) - 02 (80 a 89 anos)

- Crianças/Adolescentes - 01 (0 a 09 anos)

Todos os novos casos ativos foram confirmados por exame laboratorial ou critério clínico epidemiológico. O critério clínico epidemiológico é um caso suspeito, que apresentou sintomas, com histórico de contato domiciliar com caso confirmado laboratorialmente para Covid-19, nos últimos 07 dias antes do aparecimento dos sintomas.

A cidade conta com 13 pacientes internados confirmados, sendo:

03 em Blumenau (UTI: 02, Enfermaria: 01)

04 em Pomerode (Enfermaria)

01 em Joinville (UTI)

03 em Gaspar (UTI)

01 em Brusque (UTI)

01 em Jaraguá do Sul (Enfermaria)


Pandemia
06 Abril 2021 17:31:00

A cidade tem 58 casos ativos e 12 pacientes internados

$artigoImagemTitulo

Pomerode confirmou nessa terça-feira, dia 6, 10 novos casos de Covid-19 e recuperou outros 14. Com isso, a cidade possui 58 casos ativos. Confira as informações dos pacientes que se encontram em isolamento domiciliar:

- Homem - 01 (20 a 29 anos) - 01 (30 a 39 anos) - 04 (40 a 49 anos)

- Mulher - 02 (30 a 39 anos) - 01 (40 a 49 anos) - 01 (50 a 59 anos)

Todos os novos casos ativos foram confirmados por exame laboratorial ou critério clínico epidemiológico. O critério clínico epidemiológico é um caso suspeito, que apresentou sintomas, com histórico de contato domiciliar com caso confirmado laboratorialmente para Covid-19, nos últimos 07 dias antes do aparecimento dos sintomas.

A cidade conta com 12 pacientes internados confirmados e 01 suspeito, sendo:

03 em Blumenau (UTI: 02, Enfermaria: 01)

04 em Pomerode (04 confirmados e 01 suspeito)

01 em Joinville (UTI)

03 em Gaspar (UTI)

01 em Brusque (UTI)

01 em Jaraguá do Sul (Enfermaria)


Vacinação
06 Abril 2021 09:05:00

São 60 mil imunizantes destinados à aplicação da primeira dose e 147.400 para a segunda dose

$artigoImagemTitulo

O Governo do Estado começou no sábado, dia 3, a distribuição para os municípios das vacinas recebidas na última quinta-feira, 1º de abril. São 60 mil imunizantes destinados à aplicação da primeira dose e 147.400 para a segunda dose. Essa foi a maior remessa encaminhada pelo Ministério da Saúde (MS) a Santa Catarina, com 309.050 unidades, sendo 18.250 doses da Oxford/Astrazeneca e 290.800 Sinovac/Butantan.

Em reunião extraordinária tripartite, realizada em 30 de março, que teve a participação do Ministério da Saúde, Conselho de Secretários Estaduais e Municipais, além de representantes dos laboratórios Butantan e Fiocruz, foi divulgado um novo cronograma de entrega das vacinas ao Ministério no mês de abril. A informação consta no nono informe técnico do Programa Nacional de Imunizações do Ministério da Saúde (MS).

De acordo com o plano, o laboratório Butantan prevê a entrega de 4,5 milhões de doses da vacina Sinovac/Butantan neste mês. Na última remessa encaminhada entre os dias 29 e 31 de março, foram entregues ao Ministério da Saúde 8 milhões de doses, das quais 290.800 vieram para Santa Catarina. Caso se mantenha a previsão, até o fim do mês o Estado deve receber mais 163.500 doses.

Na última quinta-feira, durante reunião com os municípios, foi acordado que todos deverão dar continuidade à vacinação. Para garantir a correta imunização dos cidadãos, devem ser convocadas as pessoas que estão dentro do período de 21 a 28 dias, desde a primeira aplicação, para tomarem a segunda dose da vacina. Também será feita a identificação daqueles que pertencem aos grupos já abertos, que ainda não foram vacinados.

A secretária da Saúde, Carmen Zanotto, solicitou à Diretoria de Vigilância Epidemiológica que avaliasse a possibilidade de redirecionar cerca de 20% das vacinas Sinovac/Butantan, recebidas para segundas doses, para aplicação das primeiras doses, o que foi prontamente atendido. A estratégia busca dar continuidade à campanha de vacinação, considerando a inclusão de novos grupos determinados pelo Ministério da Saúde.

São os profissionais das forças de segurança e salvamento e forças armadas, profissionais diretamente envolvidos no atendimento e/ou transporte de pacientes, em resgates e atendimento pré-hospitalar nas ações de vacinação contra a Covid-19, e na implantação e monitoramento das medidas de distanciamento social, com contato direto com o público, independente da categoria.

A secretária informou também que está em contato com o Ministério da Saúde para que seja dado celeridade ao envio de mais imunizantes para aplicação das primeiras doses. Carmen Zanotto irá pessoalmente a Brasília no início da próxima semana, tratar da regularização do número de doses que o estado necessita para vacinação de 100% dos trabalhadores de saúde e população acima de 60 anos de idade.


Pandemia
06 Abril 2021 09:03:00

Xanxerê é a primeira a voltar ao nível grave (cor laranja)

$artigoImagemTitulo

Depois de cinco semanas com todas as regiões em estado gravíssimo, a Secretaria de Estado da Saúde divulgou neste sábado, dia3 de abril, os dados da Matriz de Risco Potencial em relação ao novo coronavírus que apontam para uma melhora na região de Xanxerê. O mapa indica que as outras 15 regiões catarinenses se encontram em nível gravíssimo (cor vermelha) pela sexta semana consecutiva, enquanto Xanxerê é a primeira a voltar ao nível grave (cor laranja).

Segundo a cientista de dados Bianca Vieira, a melhora se deve pela baixa dos indicadores nos índices de transmissibilidade, do evento sentinela e, principalmente, do monitoramento dos casos, que voltou à cor amarela (nível alto), caindo duas posições na região.

"O padrão de melhora dos indicadores continua, com destaque para os de transmissibilidade, que estão mostrando queda em todas as regiões. Nenhuma região apresentou nota máxima pela primeira vez em bastante tempo, o que é um resultado positivo, mesmo que a capacidade de atenção permaneça em nível gravíssimo em todas as regiões", afirmou Bianca, que acrescenta ainda que os números demonstram o reflexo da vacinação no Estado, que tem sido intensificada nas últimas semanas.

Na capacidade de atenção, a região Carbonífera é a única que está com o número de leitos abaixo dos 90% de ocupação. Outras quatro regiões estão com ocupação maior que 95%, sendo que a restante continua com 100% de ocupação.

A nova Matriz será divulgada no dia 10 de abril.


06 Abril 2021 08:20:00
Autor: Por: Assessoria

Tema será debatido nessa terça-feira, 6, em live da Alesc

$artigoImagemTitulo

Para marcar a passagem da Semana de Conscientização do Autismo, a Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência da Assembleia Legislativa de Santa Catarina realiza o bate-papo virtual: Como está o desenvolvimento do seu filho com autismo nos tempos atuais. O evento será transmitido pelo canal da Escola do Legislativo no Facebook nessa terça-feira, dia 06, às 19 horas.

"O objetivo é levar informação de qualidade para familiares, profissionais de saúde, da educação e demais pessoas interessadas em se capacitar sobre transtorno do espectro autista (TEA), que conforme a Organização Mundial de Saúde, afeta uma em cada 160 crianças no mundo. Nesta live vamos reunir um grande time de especialistas para tratar do tema, trocar experiências, esclarecer dúvidas e trazer novas informações. É fundamental a participação de pais de autistas, integrantes de Apaes, AMAs, professores e dirigentes de escolas", explica o deputado estadual Dr. Vicente Caropreso (PSDB), que preside a comissão. O parlamentar é médico neurologista e palestrará na live.

Participam também do bate-papo Marcos Petry, autodefensor do autismo, escritor, palestrante e músico; José Raimundo Facion, psicólogo, com doutorado em Psiquiatria Infantil e diretor do Inapea; Fernando Cordeiro Calil, terapeuta ocupacional e especialista em neurologia. O evento será mediado pela presidente da Associação Catarinense de Autismo, Catia Cristiane Purnhagen Franzoi, que é mãe de autista. A Fundação Catarinense de Educação Especial também participa da organização do evento.



Esperança
05 Abril 2021 12:00:00

27 de março foi dia de dupla comemoração para Frau Schneider

$artigoImagemTitulo

Receber a notícia de que sua vez chegou para tomar a vacina contra Covid-19 está sendo motivo de alegria para muitas famílias no mundo todo. Fotos e vídeos dos parentes tomando o tão esperado "pix" circulam nas redes sociais, evidenciando o orgulho e felicidade. Mas você já imaginou receber a vacina no dia do seu aniversário? Esse foi o caso da pomerodense Gisela Schneider, mais conhecida como Frau Schneider, que completou 70 anos no dia em que tomou a primeira dose: 27 de março.

Um dia de dupla comemoração, foi assim que ela passou um dos melhores sábados da vida. Ela conta que na quinta-feira, dia 25, a filha agendou a vacinação e, quando soube que estava marcado para o dia do aniversário, diz ter ficado muito feliz e aliviada. No dia, o "mix" de emoções tomou conta. "Fiquei ansiosa, nervosa e ao mesmo tempo feliz, mas foi o melhor presente que já recebi", admite.

O Testo Notícias deseja um feliz aniversário para a Frau Schneider e que ela possa ter muita saúde e sucesso.



Pandemia
01 Abril 2021 17:38:00

$artigoImagemTitulo

A nova secretária de Estado da Saúde de Santa Catarina, Carmen Zanotto, cumpriu agenda junto à governadora interina Daniela Reinehr nesta quinta-feira (1º), seu primeiro dia oficialmente no cargo. As duas visitaram as instalações da Secretaria de Estado da Saúde (SES), em São José, na Grande Florianópolis, para acompanhar o estoque de vacinas contra a Covid-19, que recebeu o reforço de mais 300 mil doses pela manhã.

Após o encontro, a secretária falou com a imprensa e afirmou que a pasta vai "respeitar critérios técnicos" na tomada de decisões e que ainda não há definição sobre as regras para um novo decreto restritivo em Santa Catarina. Ela também evitou falar sobre medidas restritivas específicas e defendeu que seja implementado "aquilo que já vinha sendo feito".

As regras para o novo decreto serão definidas em reunião do Centro de Operações de Emergência em Saúde (Coes), que ocorrerá neste sábado (3). O decreto vigente, assinado pelo governador Carlos Moisés da Silva, tem validade até a próxima terça-feira (5). "Já temos as medidas restritivas. Temos que evitar as medidas proibitivas. A ideia é não fechar", disse Daniela.

A secretária não confirmou novas restrições, ou se manterá o atual regramento, mas disse que a pasta vai ouvir a equipe técnica e os diversos atores no combate à pandemia. Segundo ela, "não dá para acreditar que só existe uma verdade - a nossa verdade - no combate à pandemia" e "não dá para ter uma regra única".

Nenhuma das duas foi taxativa em descartar medidas mais rígidas, como um lockdown por exemplo, mas endossaram que, se houver necessidade, deverá ocorrer de forma regional. Zanotto destacou o exemplo de Lages, que fechou atividades não essenciais para frear o avanço da pandemia e conseguiu bons resultados.

Além disso, a deputada federal licenciada destacou que reconhece o trabalho feito até então e que não haverá "terra arrasada", ou seja, indicou que aproveitará boa parte do trabalho deixado pelo ex-secretário André Motta Ribeiro.

Ao lado da nova secretária, a governadora interina endossou as palavras da saúde. De máscara, Daniela pediu para os catarinenses manterem os hábitos preventivos como distanciamento social e higiene, e pediu para que os sintomáticos procurem o sistema de saúde o mais rápido possível. Ela também anunciou que a destinação de 500 policiais militares somente para fiscalização das medidas da Covid será prorrogada.

Vacinas

A nova secretária cobrou agilidade na vacinação e disse que a imunização será a principal saída para redução de casos e óbitos no que chamou de pior momento da pandemia em Santa Catarina. Segundo ela, o atual cenário do Estado, com recorde de mortes e lotação de UTIs, foi decisivo para aceitar o convite de comandar a pasta.

 "Com as vacinas, nós vamos evitar casos graves [...] É o momento de pensarmos na vida. Precisamos vacinar, vacinar, vacinar", disse. "Se faltar vacina em Santa Catarina, é porque aplicamos tudo o que chegou", complementou.

Zanotto destacou a recente decisão do Ministério da Saúde de utilizar todas as doses enviadas, e não mais reservar 50% para a segunda aplicação. Isso é possível porque há previsão de o Estado receber os lotes de vacinas com mais regularidade daqui para frente, e permite acelerar a imunização.

A nova secretária reafirmou a ordem de vacinação do Plano Nacional de Imunização (PNI) e defendeu a "busca ativa" dos grupos prioritários.



Pandemia
01 Abril 2021 16:47:00

A cidade possui 83 casos positivos ativos

$artigoImagemTitulo

A Prefeitura de Pomerode confirmou na quinta-feira, dia 1º de abril, duas mortes por conta da Covid-19 em 24h. O 47º óbito, um homem, de 53 anos, com comorbidades, foi registrado na quarta-feira, dia 31. Já a 48ª morte foi confirmada no começo da tarde do dia 1º de abril. A vítima foi uma mulher de 82 anos, sem comorbidades. Ambos estavam internados em Timbó.

Além disso, o boletim divulgado confirmou oito novos casos ativos e a recuperação de nove casos. Com isso, a cidade possui 83 casos ativos. Confira as informações dos pacientes que se encontram em isolamento domiciliar:

- Homem - 03 (20 a 29 anos)

- Mulher - 01 (20 a 29 anos) - 01 (30 a 39 anos) - 01 (40 a 49 anos) - 01 (70 a 79 anos)

- Criança/adolescente - 01 (0 a 09 anos)

Todos os novos casos ativos foram confirmados por exame laboratorial ou critério clínico epidemiológico. O critério clínico epidemiológico é um caso suspeito, que apresentou sintomas, com histórico de contato domiciliar com caso confirmado laboratorialmente para Covid-19, nos últimos 07 dias antes do aparecimento dos sintomas.

A cidade conta com 14 pacientes internados confirmados, sendo:

01 em Timbó (Enfermaria)

03 em Blumenau (UTI: 02, Enfermaria: 01)

07 em Pomerode (Enfermaria)

01 em Joinville (UTI)

02 em Gaspar (UTI: 02)



Pandemia
31 Março 2021 17:43:00

A vítima foi uma mulher, de 84 anos, com comorbidades

$artigoImagemTitulo

A Prefeitura de Pomerode confirmou nessa quarta-feira, dia 31, a 46ª morte por conta da Covid-19 na cidade. A vítima foi uma mulher, de 84 anos, com comorbidades, que encontrava-se internada em Pomerode.

Confira as informações do Boletim Covid-19 de 31/03:

Pomerode confirmou cinco novos casos e recuperou outros 14. Com isso, a cidade possui 86 casos positivos ativos. Confira as informações dos pacientes que se encontram em isolamento domiciliar:

- Homem - 01 (30 a 39 anos) - 01 (50 a 59 anos)

- Mulher - 01 (30 a 39 anos) - 01 (50 a 59 anos)

- Criança/adolescente - 01 (10 a 19 anos)

Todos os novos casos ativos foram confirmados por exame laboratorial ou critério clínico epidemiológico. O critério clínico epidemiológico é um caso suspeito, que apresentou sintomas, com histórico de contato domiciliar com caso confirmado laboratorialmente para Covid-19, nos últimos 07 dias antes do aparecimento dos sintomas.

A cidade conta com 12 pacientes internados confirmados, sendo:

02 em Timbó (UTI: 02)

03 em Blumenau (UTI: 02, Enfermaria:01)

04 em Pomerode (Enfermaria)

01 em Joinville (UTI)

02 em Gaspar (UTI:02)


Saúde
31 Março 2021 17:40:00
Autor: Por: Agência Brasil

Governo federal já adquiriu 38 milhões de doses do imunizante

$artigoImagemTitulo

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou a autorização temporária para uso, em caráter emergencial, da vacina da Janssen, um braço da Johnson & Johnson. O governo federal já adquiriu 38 milhões de doses do imunizante.

Seguindo a recomendação da área técnica da Anvisa, a maioria dos diretores votou pela permissão de uso com base em uma avaliação de que os benefícios da vacina superam os riscos trazidos por ela.

A posição foi puxada pela relatora, diretora Meiruze Freitas. "Esta relatoria conclui que os especialistas da Anvisa avaliaram que vacina atende às expectativas da agência quanto aos requisitos de qualidade, segurança e eficácia", concluiu.

Conforme a área técnica, o imunizante pode ser aplicado em pessoas com mais de 18 anos, com ou sem comorbidades. A eficácia geral demonstrada pela farmacêutica no processo de submissão foi de 66,9%. Quando considerados casos graves, a eficácia comprovada foi de 76,7% após 14 dias e 85,4% depois de 28 dias.

Diferentemente das vacinas de outros fabricantes, a da Janssen tem eficácia com apenas uma dose. Esta foi a quinta vacina aprovadas pela Anvisa, entre aquelas que obtiveram registro e as permitidas em caráter emergencial.

O gerente geral de Medicamentos e Produtos Biológicos da Anvisa, Gustavo Mendes, afirmou que os estudos e documentação analisados pela equipe técnica da agência confirmaram a eficácia e as condições adequadas para o uso no combate à covid-19.

Segundo Mendes, a vacina tem duração de até três meses com armazenamento entre 2º e 8ª. Quando retirados do acondicionamento térmico, os lotes ou frascos têm até seis horas para serem utilizados mantendo a eficácia.

Na análise sobre a cadeia produtiva da vacina, foram avaliados os diferentes locais onde ela ou algum insumo usado são desenvolvidos. A gerente geral de Inspeção e Fiscalização Sanitária, Ana Carolina Araújo, informou que foram apresentadas informações sobre oito locais na cadeia produtiva. "A estrutura física das plantas fabris e atividades e os sistemas de garantia da qualidade se mostraram satisfatórios", afirmou.

As equipes técnicas da Anvisa também examinaram problemas de eventuais riscos adversos, sem que essas possibilidades tenham sido reveladas para além das reações normais da vacinação.

Gustavo Mendes destacou alguns pontos que carecem de mais informações, denominados no processo de "incertezas". "Ainda precisam ser gerados dados para subsidiar o processo de fabricação em larga escala. Nem todos os locais de fabricação têm a sua larga escala, a sua capacidade de fabricação de lotes industriais, bem caracterizada", comentou.

Mesmo assim, tanto os representantes da área técnica quanto os diretores da Anvisa destacaram que os benefícios superam os riscos. A relatora Meiruze Freitas ressaltou que a agência continuará monitorando a aplicação da vacina e poderá demandar novas informações ou medidas de mitigação de riscos.

A relatora também destacou o fato dos estudos clínicos não terem analisado a eficácia da vacina para novas variantes do coronavírus. Assim, esse aspecto ainda está carente de comprovação por novos ensaios clínicos.

Meiruze lembrou a importância de as equipes de saúde não misturarem as vacinas. A imunização com vacinas já aprovadas em esquema de duas doses devem ser feita com o mesmo tipo de vacina. "Não há resultados suficientes sobre os resultados com vacinas de dois fabricantes diferentes", afirmou.

"O desenvolvimento de novas vacinas é complexo, mas, neste momento da pandemia, a ciência permitiu o desenvolvimento de produtos bastante inferiores aos normalmente praticados. Tal situação faz com que o regulador deva considerar todas as informações benefício-risco. Todas os cinco pedidos autorizados até agora foram analisados de forma rigorosa", disse o diretor Alex Campos.


31 Março 2021 13:28:00

Acostumado a tomar sua cervejinha no final do dia, Eduardo tomou uma cerveja sem álcool bem gelada na instituição

$artigoImagemTitulo

Quando a nutricionista Ligia Batiston informou o desejo do Eduardo a equipe multidisciplinar abraçou a causa, para realizar a simples vontade do paciente. Após a fonoaudióloga Ju?lia Schiphorst Delgado avaliar a possibilidade de ofertar uma cerveja sem álcool, os colaboradores se organizaram e, durante o próprio horário de almoço, foram ao mercado comprar a cerveja. O único pedido do Sr. Eduardo, de 61 anos foi estar bem gelada!

Após tomar a bebida, ele simplesmente disse, em alemão, "die schmeckt gut" (essa é gostosa), fazendo toda a equipe presente rir de sua empolgação, descontraindo todos os colaboradores.

O paciente ganhou alta na terça-feira, dia 30 de março, após ficar 27 dias internado na instituição, tendo passado pela UTI e enfermaria Covid. Agora, encontra-se alegre e eufórico, feliz por estar indo para casa rever toda a sua família, em suas palavras, diz que se sentiu amado, e por isso voltou com mais vontade de viver. Tomar a cerveja não significou apenas uma paixão pelo produto, e sim o prazer de apreciar as pequenas coisas da vida.

Larissa Machado/ Comunicação HSA/




Casos
30 Março 2021 17:13:00
Autor: Por: Redação TN

A cidade possui 15 pacientes internados confirmados

$artigoImagemTitulo

Pomerode confirmou 12 novos casos ativos e recuperou outros 13, segundo boletim divulgado na terça-feira, dia 30. Com isso, a cidade conta com 96 casos ativos positivos. Confira as informações dos pacientes que se encontram em isolamento domiciliar:

- Homem - 05 (30 a 39 anos) - 01 (40 a 49 anos) - 01 (70 a 79 anos)

- Mulher - 02 (30 a 39 anos) - 01 (40 a 49 anos) - 01 (70 a 79 anos)

- Criança/adolescente - 01 (10 a 19 anos)

Todos os novos casos ativos foram confirmados por exame laboratorial ou critério clínico epidemiológico. O critério clínico epidemiológico é um caso suspeito, que apresentou sintomas, com histórico de contato domiciliar com caso confirmado laboratorialmente para Covid-19, nos últimos 07 dias antes do aparecimento dos sintomas.

A cidade conta com 15 pacientes internados confirmados, sendo:

02 em Timbó (UTI: 02)
03 em Blumenau (UTI: 02, Enfermaria:01)
07 em Pomerode (Enfermaria)
01 em Joinville (UTI)
02 em Gaspar (UTI:02)

A atualização da avaliação de risco potencial é de 27 de março de 2021, e estamos classificados com a cor vermelha, risco gravíssimo. Em decorrência da mudança da gravidade da avaliação de Pomerode e região, a Prefeitura informa que seguirá todos os decretos e portarias estaduais, que podem ser consultados no seguinte link: http://dados.sc.gov.br/dataset/covid-19-portarias-estaduais.

A ESF Ricardo Jung na Rua Natal no Centro, está atendendo de segunda à sexta, das 16h às 19h e aos sábados, das 8h às 12h, para pacientes que estejam apresentando sintomas gripais. Central de Atendimento Covid-19: 3387-7646 e 3387-7647. Atendimento de segunda a sexta-feira, das 07h30min às 16h.



Pandemia
30 Março 2021 08:27:00
Autor: Por: Jornal do Médio Vale

$artigoImagemTitulo

Mãe e filha morreram nessa segunda-feira, dia 29, vítimas da Covid-19 em Indaial. Doralina de Fátima Siqueira Leal, de 43 anos, era professora da Educação Infantil e estava internada no Hospital Beatriz Ramos (HBR). O óbito foi confirmado pela Secretaria de Educação de Indaial via redes sociais.

A filha de Doralina, Ana Carla Leal, que estava hospitalizada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do HBR, veio a óbito na mesma data. Nas redes sociais, familiares da jovem confirmaram o seu falecimento. "Você foi uma guerreira e descansa ao lado de sua mãe e do mano. Vai com Deus minha linda", disse uma tia se despedindo da sobrinha.

De acordo com postagens feitas nas redes sociais, Ana já estava internada há mais de duas semanas. Doralina, no dia 13 de março, publicou em seu Facebook pela última vez, pedido orações pela saúde da filha que se encontrava em estado grave.

Com estes dois óbitos, Indaial contabiliza 77 vítimas fatais da Covid-19.



Saúde
29 Março 2021 17:45:00

DF começou a vacinar idosos com 67 e 68 anos semana passada

$artigoImagemTitulo

O vice-presidente Hamilton Mourão tomou hoje (29) a primeira dose da vacina CoronaVac contra covid-19, em Brasília. A CoronaVac é produzida no Brasil pelo Instituto Butantan, em parceria com o laboratório chinês Sinovac, e administrada em duas doses, com intervalo de até quatro semanas.

Na semana passada, pessoas entre 67 e 68 anos começaram a ser vacinadas no Distrito Federal. Mourão, que tem 67 anos, foi atendido em um dos pontos de vacinação drive thru da capital.





Endereço: Avenida 21 de Janeiro, 1845, Centro - Pomerode SC
Fone: (47) 3387-6420 | Whatsapp: (47) 99227-2173 | jornalismo@testonoticias.com.br
Sobre o jornal | Facebook | Instagram | YouTube