Poder

Na Alesc, Moisés defende reforma administrativa e pede união aos deputados

06 Fevereiro 2019 08:57:00

Governador fez a leitura da mensagem anual aos 40 parlamentares estaduais na tarde desta terça-feira (5). No discurso, pediu apoio e união aos projetos do Executivo

Foto: Wellinton Heinz
"Nosso desejo é de que possamos colocar os interesses coletivos em primeiro lugar"

Na tarde desta terça-feira (5), o governador do Estado, Carlos Moisés da Silva (PSL), esteve na Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina (Alesc) e anunciou que o projeto de reforma administrativa deve ser encaminhado à Casa em breve. Na prática, o governo quer aprovar as mudanças que vem defendendo desde o início da gestão, como redução do número de secretarias e cargos comissionados, mudanças na estrutura da Controladoria Geral do Estado (CGE) e da Secretaria de Segurança Pública. Moisés discursou em mensagem anual para os 40 deputados estaduais.

Em fala rápida, o governador pediu que os parlamentares atuem juntos pelos projetos que podem melhorar Santa Catarina. "Vocês têm um papel muito importante. A mensagem das urnas foi clara, por mudança. Mas mudança por si só não basta. É preciso ter um rumo definido", afirmou. O governador destacou, mais uma vez, que o objetivo é promover valores de governança como transparência, eficiência, integridade e inovação. 

"Nosso desejo é de que possamos colocar os interesses coletivos em primeiro lugar, que possamos praticar juntos a boa política, comprometidos com Santa Catarina por inteiro. Contamos com os 40 parlamentares para que se unam a proposta do poder Executivo e construam, conosco, uma Santa Catarina melhor."  

Além das mudanças pretendidas na gestão, Moisés aproveitou para realçar a necessidade de investimentos em infraestrutura. Segundo ele, o setor foi eleito como prioridade pelo potencial de destravar o desenvolvimento da economia catarinense. Esse é um caminho para "aumentar a arrecadação sem aumentar os impostos e, assim, oferecer serviços públicos melhores à população", disse.

Repercussão

"Foi uma mensagem sintética. Acho que a mensagem que o governador passa é de que ele deseja fazer um governo moderno", disse o presidente da Alesc, deputado Julio Garcia (PSD).

Garcia também comentou a proposta de reforma administrativa. "Neste momento, é a pauta mais importante porque é aguardada por toda a sociedade. O governador deve mandar [o projeto da reforma] nos próximos dias e, tão logo chegue, nós vamos distribuir para as relatorias para que as comissões analisem e a gente possa apreciar no menor espaço de tempo. O governador tem pressa e o estado de Santa Catarina também".

Ao final da sessão, Garcia convocou os deputados para nova sessão nesta quarta-feira (6). A Assembleia ainda precisa escolher os deputados que vão compor as comissões antes de realizar alguma votação. Na fila de projetos, estão alguns vetos do poder Executivo que precisam ser apreciados pela Casa.



LEIA TAMBÉM


Há registro de 164 pontos de concentração de grevistas e 254 municípios com problemas no abastecimento de combustível


Licitação, testes, falhas e questionamentos em mais de duas horas de audiência pública







Endereço: Avenida 21 de Janeiro, 1845, Centro - Pomerode SC
Fone: (47) 3387-6420 | Whatsapp: (47) 99227-2173 | jornalismo@testonoticias.com.br
Sobre o jornal | Facebook | Instagram | YouTube