ColunaIsma.jpg
Ismael Ewald Limberger

Coluna do Isma

Slogan

A Prefeitura de Pomerode, que voltou a ser responsável pela organização da Festa Pomerana, está chamando a comunidade a participar da escolha do slogan (tema da festa) da próxima edição. A população pode escolher uma das três opções disponíveis na página do Facebook da Prefeitura, a votação acontece através das reações na publicação (Curti, Amei, Uau). A "votação" segue até às 12h de segunda-feira, dia 29. As opções são: "Um povo com tradição em fazer você feliz"; "Cultura e tradição, esperando por você"; e "Tradição que envolve, cultura que contagia". Esta última tem sido a opção preferida do público, inclusive a minha.

A grama do vizinho  

Circulo bastante pelas cidades do Médio Vale. Considero uma dádiva oferecida pela minha profissão a oportunidade de conversar com pessoas de variadas cidades, classes sociais e diferentes visões de mundo. Tal "conversê" me permite chegar a uma conclusão: independente do local onde estamos e com quem quer que estejamos trocando ideias, a grama do vizinho é sempre mais verde. Nas rodas aqui em Pomerode surge imensa admiração por Timbó e suas pavimentações. Nas rodas de conversa de Timbó, a assunto é seguir os exemplos de Pomerode ou trazer mais empresas, como Indaial. Lá pelas bandas de Indaial, os exemplos mais citados são as vizinhas Blumenau e Timbó. Enfim, nunca está bom e nunca estará enquanto estivermos olhando para fora. Jogar adubo na própria grama é sempre bom, além de observar de perto para não trazer muda de erva daninha para o jardim.

Oster 

Terminou o período de Páscoa e com ele mais uma Osterfest - a festa dos recordes. Sim, porque além do maior ovo e a maior osterbaum, também foi quebrado o recorde de público. Aplaudo de pé a organização que percebeu a necessidade de criar uma nova atração. Acertou em cheio trazendo mais um elemento ligado a nossa cultura, o baita ovão trouxe também dinheiro aos bolsos pomerodenses. Se você ainda não viu os resultados, pode acompanhar a matéria na página 07. Assim como o evento vem crescendo a cada ano, a cidade também precisa aprender e amadurecer sua vocação turística. O grande público trouxe lentidão às nossas vias e rodovias, além de expor algumas falhas na infraestrutura. Para os próximos eventos, cabe avaliar melhor de que forma podemos receber bem os turistas sem causar danos ao cotidiano de quem vive aqui. O turismo é um caminho sem volta para nós, precisamos aprender a conviver com ele, para isso, menos discursos e mais ações. 


LEIA TAMBÉM






Endereço: Avenida 21 de Janeiro, 1845, Centro - Pomerode SC
Fone: (47) 3387-6420 | Whatsapp: (47) 99227-2173 | jornalismo@testonoticias.com.br
Sobre o jornal | Facebook | Instagram | YouTube